Blog CNA

Quais as profissões que exigem fluência em inglês?

Quais as profissões que exigem fluência em inglês?

Quais as profissões que exigem fluência em inglês? Em um mundo em constante transformação, saber falar um segundo idioma pode ser o diferencial na hora de encontrar um novo emprego. Afinal, existem profissões de diferentes segmentos e perfis que necessitam do idioma.  

Podemos olhar para ocupações como tradutores e comissários de bordo, onde a fluência em inglês é algo essencial. Mas também há diversas carreiras onde termos em inglês são usados no dia a dia: de técnico de informática a jornalista, muitas profissões usam o idioma na rotina.

Até mesmo as profissões em inglês que ainda não foram traduzidas para o português, caso de algumas ocupações comuns na última década: coach, creator, web developer e community manager são alguns dos exemplos. Além disso, há diversas profissões se desenvolvendo e se estabelecendo no mercado. Chamados de walker talker, os cuidadores remotos acompanham a rotina de idosos à distância e se tornaram populares por conta do isolamento social. Conheça mais sobre a relação das profissões com a língua inglesa: 

Confira uma lista com profissões que usam o inglês no dia a dia 

Antes de saber mais sobre alguns exemplos de profissões que exigem fluência em inglês na rotina, quais são os seus objetivos? Afinal, quem é apaixonado por inglês e não vê a hora de falar todos os dias, existem possibilidades que envolvem habilidades diferentes como conversação ou leitura. 

E para quem gosta de aprender inglês mas ainda não sabe o que busca no futuro, conhecer as profissões que exigem fluência no inglês pode ser uma oportunidade para expandir os horizontes. Aprender inglês traz vantagens profissionais por abrir mais oportunidades no mercado, mas também proporciona inúmeros benefícios. Veja alguns exemplos a seguir: 

  • Comissário de bordo 

Já imaginou viajar o mundo todo? Muito além do glamour de conhecer outros países, os comissários são responsáveis por garantir a segurança e bem estar dos passageiros. Aprender inglês é necessário para a comunicação com os tripulantes, aeroportos e viajantes. 

  • Tradutores 

Uma das profissões que exigem fluência em inglês, os tradutores e intérpretes são os responsáveis por criar pontes entre as duas línguas. Seja na tradução de um livro ou em interpretações simultâneas, essa profissão também existe do inglês para português, caso você imagine viver em outro país. 

  • Técnico de informática 

Em qualquer profissão que use tecnologia e linguagem da internet, existirão diferentes termos em inglês, essenciais para o entendimento dos seus respectivos funcionamentos. Geralmente, os softwares e plataformas são criados fora do país, logo estão disponíveis apenas em inglês. 

  • Jornalista 

Para se informar sobre o que acontece fora e entender como o exterior enxerga o país, os jornalistas usam o inglês para se atualizarem com as notícias mundiais e fenômenos culturais. Em uma realidade cada vez mais digital, precisam entender a linguagem da internet para se manterem atualizados com o mercado. 

  • Diplomata 

Quem estuda Relações Internacionais para se tornar diplomata precisa usar o inglês para se comunicar com as outras nações. Para discutir assuntos humanitários ou questões importantes, a comunicação acontecerá em inglês. 

Nome das profissões em inglês que não foram traduzidas para português 

Você já tinha reparado? Na última década, principalmente com a internet, existe uma série de nomes de profissões em inglês que existem no país. 

Tem desde profissionais que trabalham com as redes sociais ou até mesmo pessoas dedicadas ao bem-estar de idosos à distância. São possibilidades que estão em desenvolvimento no país, mas já são tendência em alguns lugares do mundo que falam inglês. 

Pensando no mercado criativo, as redes sociais possibilitam novas profissões que exigem fluência em inglês para transitar entre públicos. Mas não só isso, por exemplo, os desenvolvedores online são importantes para a criação de novas plataformas e páginas online. 

  • Coach 

Como um treinador, o coach é o profissional que usa as ferramentas do coaching para a maximização da performance do cliente. Ele será uma espécie de guia durante o processo de otimização, que pode ser no âmbito profissional ou pessoal. Após traçar metas, partirão em busca desses objetivos. 

  • Creator 

Somente em 2020, o TikTok ultrapassou o Facebook e chegou a 1 bilhão de usuários ativos. Uma evolução natural dos vloggers, os blogueiros de YouTube, os creators ou content creators criam conteúdo para as redes sociais e se comunicam com milhares de pessoas. 

  • Community manager 

Os community managers são o exemplo de profissão que só existiria com a internet. Eles são os responsáveis por moderar comunidades e gerenciar redes sociais, então precisam ser fluentes em inglês para acompanhar as novidades online. 

  • Walker Talker 

Você já ouviu falar sobre essa profissão? O walker talker é um cuidador remoto, ofício que será ainda mais popular nos próximos anos. Essa pessoa acompanhará via internet o dia a dia de idosos e os ajudará a passar o tempo. 

  • Web developer 

O desenvolvedor de interfaces e websites precisa saber inglês e entender a linguagem de programação e dos softwares. O profissional realiza a parte técnica e visual de páginas da internet, assim como a sua manutenção e atualização de informações ao longo dos anos. 

Conclusão

No mundo conectado, aprender inglês será importante na hora de enviar o currículo e torcer para conseguir a vaga. Um diferencial pessoal e profissional, o segundo idioma garante uma maior compreensão sobre uma outra cultura, além de maiores possibilidades de conexão com pessoas que falam em inglês. Para quem deseja seguir carreira acadêmica, ter fluência em inglês será necessário para um mestrado ou doutorado internacional. Aumente o seu vocabulário e comece a sonhar com as possibilidades! 

MATRICULE-SE JÁ
E-MAIL TELEFONE WHATSAPP