Matricule-se
Fazer matrícula
Inglês e Inteligência Artificial: quais os benefícios e os cuidados?
27/03/2024

Inteligência Artificial (IA) é um recurso sofisticado aplicado para que os computadores executem tarefas complexas que envolvam imagens, textos, números e áudios. Ela pode atuar em praticamente qualquer área da vida humana, conseguindo interpretar e fazer análises precisas sobre determinados dados.

A novidade atual é que Inteligência Artificial está acessível para tarefas básicas do cotidiano, como o aprendizado de um novo idioma. A popularidade dessa ferramenta traz alguns desafios. Isso porque a IA pode facilitar a sensação de avanço na fluência do idioma, mas também tem algumas limitações que você precisa ter em mente.

Pensando nisso, este artigo irá explorar os benefícios e os cuidados que um estudante deve ter ao utilizar a Inteligência Artificial para aprender inglês. Falaremos sobre a capacidade da ferramenta dar feedbacks, aumentar o vocabulário e facilitar a conversação. Siga na leitura para ficar por dentro do tema!

O que é a Inteligência Artificial?

A Inteligência Artificial organiza, antecipando e facilitando atividades ligadas às tecnologias para, assim, automatizar processos. Basicamente, a IA atua identificando padrões e, com o tempo, criando um acervo dessas repetições para produzir respostas sofisticadas. Há 7 padrões que compõem os tipos de Inteligência Artificial:

  • Hiperpersonalização
  • Reconhecimento
  • Conversação e interação humana
  • Decisões preditivas e analíticas
  • Sistemas orientados a metas
  • Sistemas autônomos
  • Padrões e anomalias

Nesse sentido, é possível termos a IA em:

  • Reconhecimentos facial e de voz
  • Algoritmos de motores de busca
  • Softwares de criação de imagens
  • Carros autônomos
  • Robôs
  • Teclado inteligente
  • Tradutor
  • Atendimento ao usuário
  • Aplicativos de mapas
  • Assistentes virtuais
  • Redes sociais
  • E-mail
  • Plataformas de streaming
  • Videogames

Há muitas ferramentas para diversas áreas que utilizam a IA. Também é válido lembrar que esse recurso existe desde 1943, quando foi criada a ideia das redes neurais. Logo, faz um bom tempo que utilizamos processos automatizados que interpretam, em algum nível, dados.

Atualmente, muitas ferramentas já têm um alto grau de sofisticação, como aquelas que geram imagens realísticas. Logo, parece haver uma promessa de que as IAs vieram para substituir de vez determinados aspectos da produção humana.

O que podemos falar é que, no caso do aprendizado de idiomas, isso está longe de ser uma verdade. Contudo, há alguns benefícios que um estudante pode ter ao utilizar, de forma consciente, a Inteligência Artificial. Conheça abaixo.

Quais os benefícios para aprender inglês com Inteligência Artificial?

Então você decidiu usar a Inteligência Artificial para exercitar o seu inglês. O primeiro passo é buscar aquilo que, de fato, funciona e pode tornar a sua rotina com o inglês mais fluida e intuitiva.

Gere imagens para aumentar o vocabulário

Em algumas ferramentas de IA é possível pedir para criar imagens a partir de descrições. Faça isso usando palavras em inglês. Dessa forma, você evita a tradução dos termos e aprende de maneira mais eficaz.

Converse em inglês com a IA – Praticar conversação com feedback

A Inteligência Artificial permite que você converse com ela e ainda peça feedback. Isso pode ser ótimo para observar os erros e os acertos gramaticais, de coesão e coerência na língua inglesa. Logo abaixo, uma lista de assuntos que você pode demandar para a IA:

  • Conversa casual (hobbies e interesses favoritos, fale sobre as melhores memórias, o que faz aos fins de semana para se divertir, como é a rotina durante a semana).

 

  • Debates e opiniões (quais ações, problemas e questões fazem uma vida melhor ou pior?).

 

  • Discussões sobre aprendizado da língua (como você se mantém motivado, como você melhora a sua pronúncia, quais estratégias para expandir o vocabulário).

 

  • Eventos e notícias (prós e contras de algo que esteja sendo discutido no momento).

 

  • Intercâmbio cultural (falar sobre hábitos da sua região, quais as festas e as celebrações populares, compartilhar um costume que pode ser inusitado para quem não é da cultura).

 

  • Brincar de criar cenários (fingir que é um turista e precisa pedir direcionamentos na cidade estrangeira, imaginar que está em uma entrevista de emprego, que vai ao médico no exterior, que está em um restaurante e precisa pedir um prato).

 

  • Conversa sobre criatividade (inventar uma história sobre uma aventura de viagem, descrever um personagem da ficção que você gostaria de encontrar e explicar o porquê, criar um diálogo entre dois personagens que se conhecem pela primeira vez, imaginar que é um personagem e falar o que você faria na sua rotina sendo ele).

 

  • Exercício de resolução de problemas (discutir possíveis soluções para determinado problema, pensar ideias para promover a solução de algo, compartilhar ideias para encorajar outras pessoas).

 

  • Desenvolvimento pessoal (descrever um desafio que você ultrapassou e as lições que aprendeu, discutir seus objetivos pessoais e profissionais para os próximos anos, indicar quais hábitos você faz para melhorar a sua saúde e ter um estilo de vida saudável).

 

  • Discutir sobre livros e filmes (falar sobre um livro/filme que leu recentemente e o que mais gostou nele, falar sobre uma obra que impactou muito você, comparar livro e filme adaptado e dizer qual versão prefere e o porquê).

Crie uma rotina de estudos

É possível pedir para a Inteligência Artificial organizar sua rotina de estudos. Você pode solicitar a criação de uma tabela, quais os horários têm disponíveis para realizar a atividade e como conciliar com outras demandas.

Peça listas de exercícios

Inglês se aprende praticando e os exercícios têm grande importância nesse processo. A IA pode fazer isso por você e criar uma lista de exercícios sobre determinados temas.

Quais os cuidados ao usar Inteligência Artificial para aprender inglês?

Até aqui você já conhece os melhores benefícios para treinar o inglês com Inteligência Artificial. No entanto, a ferramenta, definitivamente, não integra completamente a sua jornada no aprendizado do idioma. Por isso, é ideal que ela seja uma ferramenta de consulta, assim como o Google Tradutor, e não o meio principal.

Acredite, mas com ressalvas

A ferramenta é passível de erros. Por isso, não confie 100% e esteja atento a outras fontes de aprendizado. Dessa forma, você ganha mais autonomia para identificar possíveis disparidades.

Como usar Inteligência Artificial na prática?

Geralmente, as ferramentas de IA funcionam como um bate-papo em que você escreve comandos e ela gera respostas a partir deles. O segredo é detalhar o seu comando de forma simples e clara. Destaques são o ChatGPT, o Bing AI e o Gemini.

Inteligência Artificial e aprender inglês podem dar um bom match. Com os cuidados devidos, focando em produzir exercícios, conversação e evitar a tradução direta, o estudante só tem a ganhar.

Um outro assunto muito importante para melhorar o seu inglês é o uso de listas e os principais cuidados para se ter com este uso.

 

0 comentários

Pular para o conteúdo
Share via
Copy link